Projeto Gralha Azul será uma das novidades de Gramado em 2018

Gralha Azul FESTURIS

Sustentabilidade é o tema do momento em Gramado/RS. A cidade trabalha forte para se tornar cada vez mais um destino sustentável e promove ações para chegar ao patamar desejado neste quesito, principalmente com foco no Turismo.

 A Sustentabilidade também é um dos pilares da principal feira de negócios turísticos da América do Sul, que ocorre em Gramado no mês de novembro deste ano. É o FESTURIS Gramado – Feira Internacional do Turismo, que terá sua 30ª edição. O evento foca no tema  Sustentabilidade, tanto relacionada ao meio ambiente, quanto ao social e econômico. Além de ter o Espaço Sustentabilidade e Acessibilidade, a feira conta com ações como, por exemplo, o Plantio da Árvore da Integração, que ocorre todo o ano.
Buscando fortalecer ainda mais o desenvolvimento sustentável da Região das Hortênsias, o FESTURIS está reativando o Projeto Gralha Azul, iniciativa de sucesso realizada durante os primeiros anos do evento, idealizada pelo Sr. Hélio Lima Duarte. “Fico muito alegre em ver o projeto Gralha Azul voltar. O objetivo do projeto foi fazer o turista se sentir parte integrante desta maravilhosa cidade, plantando uma araucária e depois retornar ao destino para ver o pinheiro que ele mesmo plantou”, destacou Hélio.

Para Marta Rossi o projeto será uma das novidades especiais da 30ª edição do FESTURIS. “Estamos reativando este belo projeto, criado pela antiga Soletur, que na época já se preocupava com o meio ambiente. Este projeto estava guardado com o Hélio e agora ele nos doou para que pudéssemos utilizar durante o FESTURIS. Vamos elaborar a maneira de como faremos o projeto Gralha Azul, mas com certeza será focado totalmente na sustentabilidade e preservação da natureza”.

O Projeto Gralha Azul

Idealizado pelo Sr. Hélio Lima Duarte, quando sócio da antiga Soletur, uma das maiores operadoras de turismo da América Latina, o Projeto Gralha Azul nasceu com o intuito de preservar a natureza, por meio do plantio de araucárias em Gramado. O nome do projeto faz referência à ave símbolo do Rio Grande do Sul, que durante o inverno, retira o pinhão, o transporta e enterra para estocar. Nesse processo, contribui para a fixação e distribuição das araucárias em diversas áreas.

O projeto era realizado na fazenda da família Perini (proprietários do Hotel Serra Azul), localizada entre Gramado e Canela. Local para onde seu Hélio levava grupos de turistas para plantarem mudas de araucárias. Também, era realizado o projeto para o público infantil, no qual escolas de Gramado levavam as crianças para participar da atividade. Na época as mudas eram vendidas por R$ 2,00 cada, também eram comercializados copos, camisetas e souvenirs do projeto Gralha Azul. Além do cunho ecológico a ação também era beneficente, pois o valor arrecadado com a comercialização dos produtos era doado à um asilo da cidade de Gramado/RS.

Quem participava do projeto, recebia um certificado de participação “Sou turista Gralha Azul, estou ajudando o meio ambiente”. Até hoje muitos desses participantes expõe o certificado com orgulho em suas casas.

Durante as duas primeiras edições do FESTURIS Gramado, a ação foi um sucesso, o que deve se repetir novamente em 2018. Durante a feira foram colocadas no local do evento placas fomentando a participação no projeto Gralha Azul, “Seja Turista Gralha Azul”.

www.festurisgramado.com.

(Flávio Prestes Comunicação – fotos: Divulgação)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s