Propaganda do paizinho russo na minha vida

joão firme 2 (2)
João Firme

No dia em que o Brasil venceu o primeiro jogo na Copa lembrei do meu pai que aos 13 anos não permitiu que eu fosse estudar na Russia. Eu era inquieto (perguntou) nas aulas  de Geografia  ministradas pelo professor Hanzel, emigrante Russo que vivia em Santa Rosa. Essa dádiva de Deus de os homens criarem constantemente, assim como o Luiz Coronel, que foi adotado pelo seu Tio e o Tomaz Edson, inventor da luz que foi expulso do colégio, porque perturbava e sua mãe contratava professores particulares para ensiná-lo. Perguntei ao Paizinho Russo em uma aula, como se explicava o fenômeno da natureza de permitir Oásis no deserto onde os beduínos se protegem das tempestades de areia. Ele respondeu que Deus era grande e podia criar os eventos opostos aos da morte.

Continuar lendo “Propaganda do paizinho russo na minha vida”

A propaganda e os ministros do Supremo e do TST

jOÃO FIRME
Publicitário e jornalista, João Firme

Por João Firme

O dia 4 de abril de 2018, nesses tempos de longevidade que Deus me deu, entrou na minha história na Propaganda, minha paixão profissional. Fiquei atento à votação de Habeas Corpus para um ex-presidente e lembrei que, nessa casa máxima da Justiça, o SINAPRO-RS – quando eu era presidente nos anos 90  – obteve a primeira Súmula julgando inconstitucional a cobrança do CONFINS, o que beneficiou de imediato cerca de 100 agências que entraram na ação coletiva. Mas o que mais me surpreendeu foi a Ministra Rosa Weber, que votou pela condenação porque esta era a vontade do colegiado.

Recordo que, quando era Juiz Classista do TRT 4ª Região, a nossa Ministra Rosa Weber, de inteligência rara considerada por mim e os juízes concursados (meus colegas da 5ª Turma), me perguntou o motivo pelo qual, na categoria de Publicitário, havia enormes diferenças salariais e respondi que na Criação das Agências é onde se encontram Talentos e as multinacionais, quando os descobrem, oferecem salários altíssimos e ela ficou refletindo.

Continuar lendo “A propaganda e os ministros do Supremo e do TST”

Prosperar no mercado de eventos é para poucos… e bons

RODRIGO BARROS
Rodrigo Barros, diretor geral da GTM Cenografia

Por Rodrigo Barros

O mercado de eventos segue um intenso ritmo de crescimento, mesmo após inúmeras mudanças para se ajustar aos tempos de crise. O segmento é, sem dúvida, promissor e repleto de oportunidades para quem quer trabalhar com todo afinco. Contudo, a linha que separa os profissionais medianos dos excelentes é a capacidade de identificar chances de negócios que sejam realmente válidas. E, em paralelo, ter potencial para despertar o interesse de quem dá as cartas na contratação dos serviços, sem jamais deixar cair a qualidade do trabalho que é oferecido e executado. “Manter a excelência” deve ser o mantra de quem quer se firmar.

Continuar lendo “Prosperar no mercado de eventos é para poucos… e bons”

A importância do primeiro emprego

93ef35d4-d08d-46fa-ba82-b8f0ccedc110
Francisco Reinord Essert

Na jornada da vida, é impossível não lembrar como a primeira experiência é marcante e pode ajudar na definição do futuro. Desde o primeiro passo, seguido do primeiro tombo, as primeiras vezes nos ensinam não somente a como ter sucesso, mas também que é possível errar e recomeçar, em uma contínua busca pela superação.

Um círculo virtuoso baseado em aprendizados.

Em um País repleto de jovens, no qual 25% da população possui entre 14 e 29 anos, é importante que uma das primeiras experiências não seja somente valorizada, mas incentivada: o primeiro emprego.

Eventos: uma nova realidade para a cidade de Porto Alegre

IMG-20150708-WA0004
Maurício Cavichion

Uma nova imagem do Rio Grande do Sul está se formando a partir das iniciativas de empresários e entidades do segmento de turismo e eventos que, pensando a médio e longo prazos, estão criando oportunidades de ampliação de negócios, independente de todas as crises, econômica, política, local ou internacional.

Exemplo disto é o grande número eventos que vem sendo captado e apoiado pelo Porto Alegre & Região Metropolitana Convention & Visitors Bureau. Entre 2017 e 2023, a entidade captou e está apoiando 66 eventos, o que representa 99.800 participantes e um impacto econômico para a cidade em torno de R$ 142,8 milhões, nos próximos anos.

Continuar lendo “Eventos: uma nova realidade para a cidade de Porto Alegre”

Maioria dos brasileiros anseia por viajar

Por Regina Di Ciommo

Os brasileiros gostam de viajar e o fariam com maior frequência se a situação econômica permitisse. Pesquisas até já comprovaram esse fato. Em 2015, o SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) pesquisou quais são os maiores sonhos de consumo dos brasileiros. Os resultados mostraram que para 15% do total de entrevistados, viajar para o exterior é o maior sonho. As viagens são o sonho mais desejado por 47% das pessoas das classes A e B e para 30% entre os pertencentes às classes C, D e E. A falta de dinheiro foi apontada como o principal impedimento para viajar mais frequentemente, em 89% dos casos.

Continuar lendo “Maioria dos brasileiros anseia por viajar”

Não há como transferir o enfrentamento, nem a coragem de enfrentar

Marco ACINH
Marco Aurélio Kirsch, diretor de Relações Institucionais da ACI-NH

Olhando pelo retrovisor da história, podemos contar em quilômetros as retóricas parlamentares e os debates microfônicos sobre a necessidade (sempre premente a cada época) de reformas.  Sejam estas no campo trabalhista, tributário ou previdenciário, sofremos nestas últimas décadas com o silêncio de projetos engavetados e o vazio dos muitos discursos que custaram muito e entregaram ao final, amostras de migalhas ao cidadão.

Continuar lendo “Não há como transferir o enfrentamento, nem a coragem de enfrentar”